Bêbados, psicanalistas, sexo e noites insones; Ovos mexidos, diálogos pós-morte e pessoas que têm merda na cabeça; Animais da fazenda, Afrodescendentes cheios de lascívia e pescarias. É isso que você encontra por aqui.

domingo, 25 de abril de 2010 Manual da primeira sacanagem

Aqui está um manual básico de como reagir a primeira esperiência sexual. Afinal de contas, não é todo mundo que teve a sua primeira vez durante um ritual ocultista para Abramelin regado a ayahuasca.

Essa coisa toda de virgindade e seus tabus só confunde a mente dos jovens - que diga-se de passagem, é uma bosta fervilhando ideias - criando um receio para expandir seus horizontes sexuais. Tudo na horizontal.
Esqueça tudo que você já leu sobre sacanagem e guarde apenas esses ponto aqui ditos.

Boys: As mulheres, ao contrário do que você os fundamentalistas muslins pregam, devem sentir prazer na hora da putaria. Não dê uma de miojinho e acabe tudo em 3 minutos, lembre-se que existe outra pessoa com você pedindo prazer sexual. Se você está prestes a ter um orgasmo precoce pense em coisas broxantes, tipo as varizes da sua tia-avó ou na economia emergente de mercado. Caso contrário é bem provável que você fique na mão na próxima, se é que você me entende (punheta).

Girls: Sim, os homens só pensam naquilo, como diria a saudosa Dona Rosinha. Faça a vontade crescer dentro dele e diga não... só durante um tempo. Mas depois na hora do tchãn não fique estática de pernas abertas esperando que ele faça tudo; pule, grite, fale sacanagem. Tome a iniciativa se estiver afim. Convide aquela sua amiga gostosa que tanto falam - hoje vivemos numa sociedade liberal e como diz o bom ditado, quanto mais, melhor. Lembre-se: se o cara broxou a culpa é toda sua, quer dizer que você não o fez sentir-se a vontade no ato. Prazer oral nessa hora é o melhor remédio.

Camisinha é uma bosta, mas você deve usar sim.
Lembre-se: sexo é saúde, suor & sacanagem.

Em outros casos procure o Boston Medical Group.

4 comentários:

Ministério da saúde disse...

Caro blogueiro,

A vacina contra Influenza H1N1, que já matou 1.632 brasileiros, está disponível nos postos de saúde pública de todo o Brasil para pessoas com maior risco de desenvolver a forma grave da doença. A vacina foi testada, é segura e já foi utilizada por mais de 300 países do Hemisfério Norte. Sábado, 24, começa mais uma etapa da campanha, voltada agora para a vacinação de idosos com doenças crônicas. No entanto, a população das outras etapas - jovens de 20 a 29 anos, grávidas, crianças maiores de 6 meses a menores de 2 anos e doentes crônicos com menos de 60 anos - ainda podem procurar os postos para se vacinar.

Por isso, é muito importante contar com a sua colaboração! Você pode ajudar por meio de materiais que disponibilizamos especialmente para blogs.

Para mais informações sobre como se tornar um parceiro, escreva para fernanda.scavacini@saude.gov.br

Atenciosamente,
Ministério da Saúde

Paulo H. disse...

Pronto! Viramos um Blog politicamente correto! 2012 vem aí, é o fim dos tempos.

Nicole Castro disse...

esqueceu de dizer pra se certificarem de que a porta tá trancada, isso é de grande importância.

Anônimo disse...

experiencia é com x =D